(48) 3535-1000

(48) 99630-3000



Notícias



Carla Prata fala sobre as sequelas da covid-19: 'Quase morri no pós'

Carla Prata fala sobre as sequelas da covid-19: 'Quase morri no pós'

30/03/2021

Carla Prata recebeu o diagnóstico de covid-19 no ano passado, e desde então lida com as sequelas que a doença trouxe para sua vida e sua saúde. Ela afirmou que quase morreu depois de ter complicações causadas pelo vírus, que já matou mais de 300 mil pessoas só no Brasil. "Estou de cama desde sexta-feira. Um cansaço que eu mal consigo levantar da cama. Acho que estou com essa síndrome da fadiga crônica, que muita gente tem no pós-covid, assim como muitos têm trombose e embolia pulmonar por conta da doença", disse a apresentadora de ex-bailarina do Faustão segundo o jornal "Extra". "Fico apreensiva de não saber até quando sentirei esses sintomas. As pessoas têm muito medo da covid em si, e eu quase morri no pós. Comecei a sentir uma dor absurda na perna e fiquei dois dias internada. Eu podia ter morrido. É tudo muito perigoso, tanto a covid, quanto o pós", avisou em seguida. De acordo com ela, boa parte da sua família também teve diagnóstico positivo para a doença: a avó, a mãe e o filho de 15 anos passaram pela doença. Todos se recuperaram, mas ela até hoje precisa lidar com o cansaço decorrente da doença. "Engordei 8 kg na pandemia. Não posso fazer uma atividade física mais pesada, um crossfit ou uma corrida, por exemplo. Já tenho essa doença rara, que eu cuido e que já me deixa cansada. Meu medo é não saber até aonde essa sequela da covid-19 pode ir", lamentou Carla, citando a miastenia gravis, doença autoimune que pode causar paralisia com a qual foi diagnosticada em 2017.
https://tvefamosos.uol.com.br/noticias/redacao/2021/03/30/carla-prata-fala-sobre-as-sequelas-da-covid-19-quase-morri-no-pos.htm

Com um alcance de mais de 60 cidades, a Integração FM é
uma incrível ferramenta de divulgação para sua empresa.

Anúncie Conosco